• Blog
  • by Adriano Medeiros
  • 18 de maio de 2017
  • 284
  • 0

Emagrecimento e Abdominoplastia são duas etapas que se complementam mais não tem a mesma finalidade, nesse conteúdo você vai entender exatamente o que isso significa.

A busca pelo corpo perfeito é cada dia mais frequente entre as mulheres. Curvas mais aparentes, barrigas definidas e remoção de gorduras localizadas são os pontos fortes para a realização da abdominoplastia.

A abdominoplastia é uma cirurgia muito cobiçada e procurada nos consultórios médicos. Responsável por modificar a aparência da paciente e devolver a estrutura corporal, ressaltando as curvas, esse procedimento é o desejo de muitas mulheres.

Recentemente, esse tipo de cirurgia está sendo associado ao resultado posterior de uma cirurgia bariátrica, promovendo a retirada da gordura excessiva e pele flácida das pacientes.

 

Emagrecimento e Abdominoplastia

Vale lembrar que esse procedimento não é realizado para emagrecimento, mas para a remoção dos excessos de pele que acontecem logo depois que a paciente perde alguns quilos ou, é submetida à cirurgia bariátrica.

Além de retirar esses excessos de pele que ficam flácidas com o tempo, a abdominoplastia não é uma cirurgia definitiva, se não for tomado alguns cuidados. Caso a paciente tenha fortes tendências a ganho de peso, ou não cuide devidamente da saúde alimentar, poderá aumentar o volume de gordura corporal, novamente e perder o resultado esperado pela cirurgia.

Por isso, logo após a cirurgia, é importante e indicado que a paciente seja submetida a uma reeducação alimentar e exercícios físicos constantes.  É importante que você procure um nutricionista de confiança para seguir adequadamente as propostas de emagrecimento saudável, mas ainda sim segundo o site Center Cintas existem algumas dicas alimentares sobre a abdominoplastia que você não pode perder.

Como funciona a cirurgia de abdominoplastia

Neste procedimento, remove-se o excesso de gordura e de pele excessiva, restaurando músculos que ficaram enfraquecidos ou separados, deixando a aparência abdominal tonificada e também mais suavizada.

Durante o procedimento, a paciente deverá utilizar um dreno para evitar o acúmulo de líquidos nos primeiros dias de pós-operatório. Esse dreno deverá ser retirado no período de drenagem linfática, que é muito indicada para reduzir edemas e inchados que podem acontecer.

Em nosso artigo completo sobre abdominoplastia você é capaz de conferir outras mais informações sobre o procedimento.

 

Incisão

A maneira mais comum de ser realizada a incisão da cirurgia de abdominoplastia é através de um corte horizontal, na altura dos pelos pubianos da paciente, que se estende bem próximo aos quadris. E, dependendo da quantidade de pele a ser removida, a incisão pode ser maior ou menor.

Depois disso, é feita uma incisão na linha vertical, que é finalizada ao redor do umbigo. Neste momento, o cirurgião começa a suturar os músculos do abdome, deixando-os enrijecidos, dando a paciente o aspecto de “barriga chapada”, além de uma cintura mais definida.

Finalizando esse processo, a pele é esticada para baixo, retirando-se os excessos de gordura e pele flácida, construindo um novo orifício para realocar o umbigo em sua posição original.

 

Cicatriz da abdominoplastia

Assim como toda cirurgia têm um processo de recuperação diferente, a abdominoplastia não é diferente, principalmente em casos posteriores à cirurgia bariátrica.

Esses casos, em específico, devem ser previamente avaliados pelo médico cirurgião, onde será possível indicar o melhor momento para que a paciente possa se submeter ao procedimento.

As cicatrizes possuem um tempo de amadurecimento de acordo com o período de pós-operatório. Um receio muito comum entre as paciente é com relação ao tamanho da cicatriz.

Em seu período de amadurecimento, a cicatriz pode apresentar algumas características bastante peculiares que podem ser compreendidas em alguns momentos:

 

– Em um primeiro momento, logo após o procedimento, o corte é pouco visível, compreendendo alguns centímetros na barriga da paciente.

Depois de 30 dias até o primeiro ano, a cicatriz desenvolve uma espessura natural e modifica a sua cor, que antes avermelhada, vai sendo tonificada de acordo com o tom de pele da paciente.

– Em último caso, depois de um ano, até um ano e meio, a cicatriz se torna mais clara, menos espessa e pouco visível.

 

O resultado da cicatriz depende essencialmente dos cuidados tomados durante o processo de pós-operatório que é fundamental para melhorar sua aparência. No entanto, resultados pouco satisfatórios podem ser corrigidos com o auxílio de laser CO2, que melhoram, consideravelmente, a aparência de cicatrizes após cirurgias.

A telemedicina já é uma realidade, agende sua consulta com o Dr. Adriano Medeiros!

Com o Dr. Adriano Medeiros, você é atendido por vídeo ao vivo e pode tirar dúvidas sobre atendimentos e fazer acompanhamentos! Esse atendimento acontece na nossa plataforma exclusiva, um consultório virtual que você acessa pelo seu celular ou computador.

A telemedicina oferece uma gama de benefícios, dentre eles podemos citar:

  • Encurtar a distância;
  • Economizar tempo;
  • Rapidez;
  • Economia;
  • Acessibilidade;
  • Exclusividade.

O umbigo é fica com aparência artificial?

É uma dúvida também muito comum. Diversas pacientes não se submetem ao procedimento com medo do resultado do umbigo ficar artificial, evidenciando a realização da cirurgia.

Diferentemente do que se fala, não é realizado um “umbigo novo”, existirá uma pequena cicatriz ao entorno do umbigo, que será realocado, localizado abaixo de um novo tecido de pele.

Você pode ver o resultado do umbigo, representado na imagem abaixo:

 

Contraindicações

Gravidez Posterior à cirurgia

Existem algumas contraindicações presentes para quem deseja realizar uma abdominoplastia. A principal delas é o cuidado na gravidez. A cirurgia não apresenta qualquer risco, e a mulher que deseja, pode engravidar sem qualquer problema. No entanto, como uma rinoplastia não garante um resultado definitivo, é importante que a paciente aguarde pelo menos 2 anos para então engravidar, logo depois de se submeter ao procedimento. Dessa forma, ela garante que os resultados não sejam comprometidos.

 

Obesidade

Uma outra contraindicação é a obesidade. Apesar de ser uma cirurgia muito procurada para quem deseja remover os excessos de gordura, a paciente obesa precisa procurar um médico e seguir as indicações, além de se submeter a uma bateria de exames para entender se está ou não apta para a cirurgia. Esses cuidados evitam o risco de desenvolver trombose que podem ser prejudiciais para a saúde da paciente.

 

Gravidez antes da cirurgia

Mulheres que foram mães em menos de 12 meses também não devem se submeter a este procedimento, principalmente porque o corpo leva aproximadamente um ano para se recuperar das modificações sofridas com a gravidez. Uma cirurgia nesse período pode sofrer grandes modificações, não apresentando o resultado esperado pela paciente.

 

Cuidados com a cirurgia

Como eu sempre costumo dizer, toda cirurgia têm cuidados que precisam ser seguidos para resultados ainda mais satisfatórios. A abdominoplastia depois do emagrecimento não é diferente. É importante respeitar o período de pós-operatório indicado pelo médico, além de realizar os exames pré-operatórios que minimizam riscos durante a cirurgia.

Outro ponto fundamental é que a paciente compreenda que sua participação durante toda etapa de pós-operatório é muito importante. Seguir os conselhos indicados pelo médico, e tirar todas as dúvidas que surjam durante esse processo, trazem resultados ainda melhores.

Buscar um médico especializado, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica também é muito importante para não comprometer a saúde da paciente.

 

Resumo Final

Como você pode ver, a abdominoplastia é uma cirurgia muito indicada para tratar problemas estéticos que incomodam muitas mulheres. No entanto, ela não é solução para emagrecimento, muito menos definitivo. Ela apenas reduz os aspectos que ficam, após o período que compreendem as etapas de emagrecimento.

A abdominoplastia será responsável por remover a pele flácida e os excessos de gordura da paciente, devolvendo uma estrutura corporal mais natural, tonificando os músculos abdominais.

Esteja segura e faça a cirurgia somente se ela for trazer resultados benéficos para você. Não se preocupe em estar dentro de padrões estéticos ditados pela sociedade. Um resultado eficaz é sempre aquele que te faz feliz.

 

Você pode compreender mais sobre as etapas de emagrecimento e de abdominoplastia através do site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, que sempre reúne informações importantes sobre as principais cirurgias plásticas mais procuradas.

Mas, você pode acompanhar mais sobre esse assunto em minhas redes sociais como: Facebook, Instagram e Youtube, e compreender mais sobre os tipos de cirurgia plástica e seus resultados.

Todas as terças e sextas-feiras eu produzo vídeos explicativos, tirando as principais dúvidas trazidas pelas seguidoras, que podem te ajudar a decidir sobre a realização da cirurgia dos seus sonhos.

E se você quiser ficar por dentro de tudo, preparei uma Lista Premium, onde você receberá conteúdos relevantes, além de E-Books em primeira mão. Inscreva-se, clicando aqui.

[:]

Adicionar comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

pt_BRPortuguese