gavti sexy video hdporn.tech indian free pron video porno 300 turkishporno.pro desixvido kamasutra movie you tube turkishporn.mobi sexvide0 lupin hentai turkishsex.mobi futanarikko porn indian video turkishsexclips.pro ramakrishna sex
attur turkeyporn.online old furniture bodi sex turkishxxxvideos.pro xnxx.m babilona hot turkishporno.online salman and reshma sex videos new delhi sexy turkishporntube.online porn hq download chennai girl escorts turkishporntube.pro naughty amerika.com
indiansexmovie turkishpornmovies.eu bangladesh sex mms xnx live turkishxxxvideos.eu xnxx apk video xx sexy mobileturkishporn.mobi xxx.com full hd www worald sex com turkeyporn.pro xvedio in hindi sky movie in south indiansexmovies.mobi sexteluguvideo
  • Blog
  • by Adriano Medeiros
  • 08/11/2017
  • 513
  • 1

Redução de mama com Prótese, como funciona?

Hoje há duas cirurgias de redução de mama, cada uma com sua finalidade, praticada por cirurgiões: a mamoplastia redutora e a mastopexia. Dependendo do caso de cada paciente, um dos dois procedimentos é indicado pelo médico, trazendo de volta a beleza dos seios e melhorando a autoestima da mulher. Para os dois processos também é viável a colocação de prótese de silicone para que os resultados sejam ainda melhores.

Como é comum que apareçam dúvidas sobre o assunto, preparei um post recheado de informações sobre como é possível reduzir as mamas com prótese de silicone. De fato, à primeira vista pode causar uma certa confusão já que esse tipo de procedimento é para fazer o processo exatamente inverso. Contudo, é uma cirurgia aprovada e eu vou contar como ela acontece!

O que você vai ver por aqui:

  •         Entendendo a mamplastia redutora e a mastopexia;
  •         Como é feita a redução de mama com prótese de silicone;
  •         Para quem a cirurgia é indicada;
  •         Principais contraindicações;
  •         Pré e pós-operatório;
  •         Principais dúvidas
  •         Conclusão

Entendendo a mamoplastia redutora e a mastopexia

Apesar de o objetivo central da mamoplastia redutora e da mastopexia ser a redução e o levantamento do seio, os dois procedimentos acontecem de forma diferente. A indicação para cada um deles também varia de caso para caso. Por esse motivo, entender como é esse processo deve ser o seu primeiro passo.

Claro que seu médico analisará o seu busto e indicará o melhor procedimento para seu caso. Contudo, é preciso também conhecer como eles são feitos e o porquê de eles serem indicados.

Mamoplastia Redutora

O objetivo da mamoplastia redutora é remover todo o excesso de pele que se acumulou nos seios da paciente devido diversos fatores como, envelhecimento, gestação, emagrecimento excessivo ou seios naturalmente grandes. A cirurgia consiste em retirar também o tecido glandular para deixar o busto em um tamanho natural e proporcional com altura e peso da paciente.

Além de promover uma melhor estética corporal, a cirurgia também traz benefícios para a saúde. Seios muito grandes podem gerar dores na coluna e prejudicar na rotina diária da mulher.

A mamoplastia redutora é principalmente indicada para pacientes que apresentam seios grandes e pesados, mesmo que não estejam flácidos.

Mastopexia

A mastopexia já funciona um pouco diferente. Ela também é conhecida pelo nome de Lifting de Mamas justamente por reconstruir a beleza natural dos seios da paciente. Diferente da mamoplastia redutora, a mastopexia pode ser feita sem alterar o tamanho do seio da mulher.

Explicando melhor, os seios podem apresentar um caimento por diversos fatores, como eu já citei anteriormente, devido a envelhecimento, emagrecimento, gestação ou terem esse aspecto naturalmente. Essa flacidez acontece em até 3 graus diferentes e ganha o nome técnico de ptose mamária.

Ao indicar a mastopexia, o seu cirurgião provavelmente diagnosticou o quadro de ptose mamária e precisa reposicionar todo o tecido e a aréola para que você tenha de volta seios bonitos, simétricos e com aspecto bastante natural.

A mastopexia, portanto, remove o excesso de pele, comprime o tecido e reposiciona a aréola do seio para que a paciente tenha de volta toda a beleza e autoestima que precisa.

A principal diferença entre a primeira e a segunda cirurgia é a sua indicação. A mamoplastia redutora, como o nome já diz, é indicada para mulheres que apresentam seios grandes, mesmo que não estejam flácidos e querem reduzi-los. A mastopexia, por sua vez, é indicada para mulheres que mesmo estando satisfeitas com o tamanho das mamas, não estão felizes com seu formato.

 

Quando é feita a redução de mama com prótese de silicone

Quando é feita a redução de mama com próstese de silicone?

Após a consulta com o cirurgião plástico, a paciente terá a melhor indicação para seu caso. A mamoplastia redutora e a mastopexia podem ser associadas também.

A prótese de silicone se dá, principalmente, para alcançar uma maior projeção na mamoplastia redutora e na mastopexia. Após o procedimento mais indicado, o seu cirurgião colocará a prótese em um tamanho considerado natural e previamente analisado em consulta.

O silicone, diferente de quando é utilizado para o aumento de seios, tem função de realçar o busto da paciente e prolongar os resultados da cirurgia.

A cirurgia é feita retirando um pouco mais de tecido mamário, equivalente ao tamanho da prótese que será colocada. Por esse motivo não há aumento dos seios após o processo. A substituição acontece após a redução mamária ou retirada da pele em excesso.

Para quem a cirurgia de mamoplastia é indicada

Como toda cirurgia, esse caso também não é indicado para todas as pacientes. À princípio é um processo tentador, já que traz a forma estética perfeita para seu corpo. Contudo, é necessária uma análise criteriosa para saber se seu corpo pode e precisa dessa prótese.

Estamos falando de dois processos opostos. O seu médico retirará tecido mamário e o substituirá com uma prótese silicone em seus seios. É preciso analisar a textura da mama. Pacientes com mamas mais gordurosas geralmente são as mais indicadas para receber a prótese. No caso de mamas com tecido mais glandular, o cirurgião pode indicar apenas a reconstrução do seio sem a prótese de silicone.

A paciente também precisa apresentar uma saúde perfeita. Todos os exames pré-operatórios devem ser aprovados pelo médico e não pode constar nenhuma alteração que envolva grandes riscos cirúrgicos.

A telemedicina já é uma realidade, agende sua consulta com o Dr. Adriano Medeiros!

Com o Dr. Adriano Medeiros, você é atendido por vídeo ao vivo e pode tirar dúvidas sobre atendimentos e fazer acompanhamentos! Esse atendimento acontece na nossa plataforma exclusiva, um consultório virtual que você acessa pelo seu celular ou computador.

A telemedicina oferece uma gama de benefícios, dentre eles podemos citar:

  • Encurtar a distância;
  • Economizar tempo;
  • Rapidez;
  • Economia;
  • Acessibilidade;
  • Exclusividade.

Principais contraindicações

A redução de mama com prótese de silicone é uma cirurgia e, mesmo com altos índices de sucesso, apresenta alguns riscos.

Pacientes com qualquer doença na região dos seios ou em órgãos internos não poderão se submeter ao procedimento.

Outra contraindicação é para pacientes que não estejam com o total desenvolvimento dos seios. Por esse motivo, mulheres com menos de 18 anos provavelmente não são liberadas para a cirurgia.

Mulheres que tiveram filhos recentemente e ainda estão amamentando também não estão indicadas para a cirurgia. O melhor é aguardar pelo menos 12 meses após o parto para passar pelo procedimento.

 

Pré e pós-operatório

Pré e Pós operatório para mamoplastia redutora com prótese de silicone

O pré-operatório consiste na realização de exames clínicos e laboratoriais para atestar a saúde positiva da paciente. Somente assim os riscos de complicação podem ser previamente analisados e o médico saberá se a possibilidade ou não de realizar a cirurgia.

Em um período hábil a paciente também precisa suspender o consumo de álcool, cigarros e medicamentos que possam prejudicar a sua recuperação.

Já o pós-operatório é bastante delicado e importante para os bons resultados da sua cirurgia. É necessário que a paciente se mantenha em repouso nos primeiros dias e evite movimentos bruscos, principalmente com os braços. A exposição ao sol deve ser restrita nos 30 primeiros dias e o uso de um sutiã cirúrgico é importante a todo instante.

Dependendo do caso e da recuperação da paciente, o cirurgião pode e deve indicar sessões de drenagem linfática. Como ficam edemas, pode também existir a necessidade do uso de antinflamatórios, antibióticos cremes para aliviar o desconforto e melhorar a cicatrização.

Principais dúvidas

É comum que apareçam dúvidas sobre a cirurgia de redução de mama com prótese de silicone. Por esse motivo, listei algumas questões que geralmente são perguntadas em consultas para você também conhecê-las.

1 – Como fica a cicatriz da cirurgia de redução de mama com prótese de silicone?

Como fica a cicatriz da redução de mama com prótese de silicone

A cicatriz é uma das grandes preocupações de toda paciente que se submete à procedimentos estéticos. No caso da redução de mama com implante de prótese de silicone a cicatriz é algo que não se pode evitar. A incisão geralmente é feita em um formato de T invetido, onde ficará um pequeno risco visível na coluna do seio. Uma pequena cicatriz na aréola também estará aparente. O uso de cremes ameniza bastante esses traços ao longo do tempo.

 

2 – A prótese de silicone é obrigatória?

Não, ela é indicada em alguns casos. Se mesmo com a orientação do médico você decidir não colocar a prótese de silicone, esse processo não será realizado. O papel do médico é sempre adotar as melhores medidas para a saúde e bem-estar da sua paciente. Ele deve também explicar a possibilidade de flacidez, caso ocorra, nos casos da não utilização do silicone.

3 – Qual o tamanho ideal da prótese?

Diferente de cirurgias para aumento de seio, o silicone nesse caso atuará apenas como suporte para que a mama não fique flácida. O tamanho escolhido da prótese deve ser sempre proporcional à quantidade de glândula mamária retirada. Durante as consultas, o seu médico projetará um tamanho ideal de seio, levando em conta sua altura, peso e estética.

4 – Existem tratamentos para amenizar cicatrizes? Eles são indicados?

A cicatriz varia muito de paciente para paciente. O organismo e a recuperação de cada um ajuda bastante nesse momento. Para ajudar a reduzir um pouco mais as cicatrizes da cirurgia, a paciente pode utilizar fitas compressoras e pomadas. Além desses o médico também pode indicar tratamentos com laser, mas esses só podem ser feitos após a recuperação total da cirurgia.

Conclusão

A redução de mamas com colocação de prótese de silicone é uma cirurgia que gera ótimos resultados, mas é preciso conversar sempre com seu médico. Somente assim você conhece todos os prós e contras de optar por esse procedimento.

Como eu citei anteriormente, o tipo de glândula mamária de cada paciente diz muito sobre a necessidade de uma prótese. Caso seu médico aprove e você deseje ter essa nova estética, basta seguir todas as orientações que a sua cirurgia será um sucesso.

Gostou da dica deste post? Já conhecia a cirurgia de redução de mama com prótese de silicone? Deixe seu comentário!

Se ficou alguma dúvida, escreva para mim e vamos bater um bapo!

Não deixe também de acompanhar minhas postagens no Facebook, Instagram e Youtube! É possível encontrar ótimas dicas sobre saúde e estética!

Até mais![:]

1 Comente

  1. Renata
    08/09/2019 às 19:27

    Minha dúvida é qual marca de silicone, não vi nenhuma que não tenha reclamação.
    Todas tem muitas reclamações.

    Qual será a mais confiável, com melhor tecnologia?

Adicionar comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

pt_BRPortuguese