• Blog
  • by
  • 25 de outubro de 2017
  • 498

Como eu gosto de falar aqui no blog, as cirurgias estéticas estão entre as mais procuradas no Brasil. Hoje é possível fazer correção em todas as partes do seu corpo, optando por procedimentos tradicionais ou mais modernos. Dois exemplos desses procedimentos e que quero conversar aqui neste post são: a Rinoplastia e a Rinomodelação.

A primeira técnica é uma cirurgia já conhecida enquanto a segunda vem ganhando espaço no mercado, mas com ampla indicação médica. Partindo das suas similaridades e das suas diferenças, quero explicar um pouco mais sobre as duas técnicas e ajudar você a decidir qual aquela mais indicada para trazer mais beleza e harmonia em seu rosto!

O que você vai ver por aqui:

  •         O que é Rinoplastia e Rinomodelação;
  •         Quando a Rinoplastia e a Rinomodelação são indicadas?
  •         Contraindicações;
  •         Principais cuidados antes e depois de cada cirurgia;
  •         Principais dúvidas;
  •         Conclusão sobre a Rinoplastia e a Rinomodelação.

Então vamos conhecer mais um pouco sobre essas questões?

Rinoplastia e Rinomadelação

Entendendo os dois procedimentos

A Rinoplastia é uma cirurgia e a Rinomodelação um procedimento e ambos são voltados para a correção do nariz. Cada um deles possui suas particularidades e são indicados para casos diferentes. Entender quando optar por um ou por outro faz toda diferença. Há algumas dúvidas e confusões sobre o que é cada uma dessas técnicas. Explico com um pouco mais de detalhes abaixo.

Rinoplastia

A Rinoplastia é uma cirurgia de cunho estético, que tem por objetivo corrigir imperfeições no nariz, tanto levando em conta a parte funcional, como a parte estética.  Pessoas que têm dificuldade de respirar, por exemplo, podem ter o problema corrigido a partir dessa técnica.

Um exemplo também de correção estética é a mudança na largura do dorso nasal, na ponta do nariz, nas cartilagens, no tamanho e na angulação do nariz deixando seu rosto mais suave e harmonioso e de forma funcional são feitas alterações internas que visam a melhora da respiração.

Existem dois tipos de técnicas diferentes de Rinoplastia, a exorrinoplastia e a rinoplastia endonasal. A partir de uma avaliação seu médico irá determinar a mais indicada para você.

Ambas fazem correções na parte interna do nariz, sendo a incisão única diferença entre elas.

A exorrinoplastia ou Rinoplastia Aberta é quando o cirurgião faz uma pequena incisão externa, entre as narinas da paciente, na região conhecida como columela. Essa técnica permite uma correção mais complexa, pois o cirurgião tem uma visão mais exposta da estrutura do nariz, dando uma maior comodidade no momento da operação. A cicatriz deixada por essa técnica fica pouco aparente e some com o tempo. É também a técnica mais demorada, por ser mais delicada.

Já a Rinoplastia endonasal ou fechada é quando incisão ocorre na parte interna das narinas. Essa é indicada para pequenas alterações, podendo fazer correções na cartilagem e na estrutura óssea do nariz. A grande vantagem é a ausência de cicatrizes externas.

Saber mais sobre a Rinoplastia vai fazer você entender também sobre cada um desses dois tipos.

 

Rinoplastia e Rinomadelação

Rinomodelação

Rinomodelação tem o mesmo objetivo da Rinoplastia, que é a correção estética do nariz do paciente, mas funciona de uma forma um pouco diferente. Nesse caso, o processo não é cirúrgico, sendo feito sem bisturis, apenas com anestesia tópica. O seu médico injetará o ácido hialurônico em pontos específicos, permitindo uma correção imediata da anatomia do nariz.

Não existem variações para a Rinomodelação. As aplicações são feitas pelo cirurgião e o ácido hialurônico é completamente reabsorvível pelo organismo do paciente. Esse é um procedimento completamente estético, não aplicável para correção de disfunções funcionais, como o caso de problemas respiratórios, que citei anteriormente.

 

Rinoplastia e Rinomadelação

Quando a Rinoplastia e a Rinomodelação são indicadas?

Há uma certa confusão sobre quando a Rinoplastia e a Rinomodelação são indicadas. Muitas pessoas acreditam que a Rinomodelação pode substituir a Rinoplastia, o que não é uma verdade. Antes de indiretamente escolher entre um procedimento e outro, é preciso consultar um cirurgião plástico.

O médico solicitará alguns exames e realizará análises para saber qual o seu objetivo e qual tipo de técnica se aplica em seu caso.

A Rinoplastia é uma cirurgia, indicada para alterações estruturais maiores, tanto na função como na forma do nariz. São correções indicadas para a Rinoplastia:

  •         Diminuição ou remodelamento do formato natural do nariz, como é o caso de Rinoplastia em orientais e negros, por exemplo.;
  •         Alterações estruturais;
  •         Levantar ou afinar a ponta do nariz;
  •         Redução das asas nasais;

Existem ainda outros casos aplicáveis à Rinoplastia.

A Rinomodelação é um procedimento, corrige também alguns desses problemas acima. Contudo, essas correções são mais leves. Entre as indicações para a Rinomodelação, posso destacar:

  •         Levantar a ponta do nariz;
  •         Melhorar a curvatura do dorso nasal;
  •         Melhorar a simetria do nariz, proporcionando mais harmonia para a face;

Sabendo mais um pouco sobre as indicações para a Rinoplastia e a Rinomodelação, é indicado consultar um médico para maiores orientações.

 

Contraindicações

Até o momento existem algumas contraindicações para a Rinoplastia, como por exemplo para pessoas com alterações recentes na pele, alteração na coagulação, doença sistêmica/crônica, tabagismo pesado ou diabetes descompensada.

Já a Rinomodelação existem contraindicações para pacientes com hipersensibilidade para ácido hialurônico, com alguma lesão cutânea, dermatite, infecção na pele ou com problemas de coagulação.

Pessoas que não estejam com a saúde boa não poderão passar por nenhum dos dois procedimentos por prejudicar a recuperação e o resultado. É preciso um certo cuidado com o organismo em um período que antecede a aplicação das técnicas. Adolescentes a partir dos 15 anos estão liberados para fazer a Rinoplastia e a Rinomodelação desde que apresentem uma autorização por escrita dos pais ou responsável.

 

Rinoplastia e Rinomadelação

A telemedicina já é uma realidade, agende sua consulta com o Dr. Adriano Medeiros!

Com o Dr. Adriano Medeiros, você é atendido por vídeo ao vivo e pode tirar dúvidas sobre atendimentos e fazer acompanhamentos! Esse atendimento acontece na nossa plataforma exclusiva, um consultório virtual que você acessa pelo seu celular ou computador.

A telemedicina oferece uma gama de benefícios, dentre eles podemos citar:

  • Encurtar a distância;
  • Economizar tempo;
  • Rapidez;
  • Economia;
  • Acessibilidade;
  • Exclusividade.

Principais cuidados antes e depois de cada cirurgia

Primeiramente o cuidado essencial é você realizar tanto a Rinoplastia, quanto a Rinomodelação com um médico cirurgião, pois ele terá o conhecimento anatômico do nariz e estará preparado para reverter qualquer tipo de intercorrência.

Exames para atestar a sua condição para a Rinoplastia e para a Rinomodelação serão solicitados pelo médico. Qualquer tipo de alteração que possa trazer grandes riscos é atestada nessas análises.

Também será necessário realizar algumas consultas com seu médico. Essas visitas são importantes para que o profissional conheça mais sobre o paciente e direcione melhor o tratamento.

O pós-operatório já é diferente para cada um dos dois processos. Conhecer a Rinoplastia do pré-operatório até o pós-cirúrgico, por exemplo, inibe uma série de desconfortos e riscos.

A cirurgia pode exigir o uso de tampões no nariz, que serão retirados de acordo com a orientação do médico. Como há pontos, é preciso um tempo de descanso e cuidado maior para que esses não se rompam. Geralmente a retirada dos pontos acontece com 1 semana após a cirurgia.

O paciente também precisa atentar-se para alguns cuidados pós-cirúrgicos. Atividades que exigem muito esforço precisam ser suspensas por cerca de 1 mês ou pelo tempo indicado pelo seu médico. É normal que tenham inchaços e alguns edemas na região operada. Esses desaparecem aos poucos, mas o resultado definitivo de uma Rinoplastia pode ser percebido em até 1 ano.

Já a Rinomodelação o pós-procedimento é bem menos complexo. A técnica é bastante indicada para quem não pode ou não quer deixar de lado a sua rotina, pois não exige uma recuperação tão delicada.

Após a aplicação do ácido hialurônico, o seu médico provavelmente indicará apenas a aplicação de compressas de gelo, com a finalidade de reduzir o inchaço que aparecerá nos primeiros dias e caso seja necessário é possível reverter os efeitos da Rinomodelação, através de uma enzima chamada hialuronidase.  

 

Rinoplastia e Rinomadelação

Principais dúvidas sobre Rinoplastia e Rinonodelação

Mesmo conhecendo todas as questões acima, você provavelmente ainda tem dúvidas sobre o assunto. Existem perguntas que você deve se fazer antes de realizar uma Rinoplastia ou uma Rinomodelação. Como de costume, listarei algumas dessas e responderei para você.

 

1 – Qual dos dois procedimentos é o melhor?

Não existe um procedimento superior ao outro. Cada um deles é indicado para casos diferentes e precisa ser analisado. A diferença, como expliquei anteriormente, está em como cada técnica é feita e, principalmente, na recuperação do paciente.

 

2 – É possível conhecer o resultado antes da Rinoplastia ou da Rinomodelação?

O resultado preciso não. Cada paciente reage de uma forma diferente. É possível ter uma ideia de como ficará seu nariz após a Rinoplastia ou a Rinomodelação. Existem exames que ajudam em projeções computadorizadas para que você tenha uma noção de como ficará a sua aparência.

 

3 – São procedimentos doloridos?

Não. A Rinoplastia e a Rinomodelação pedem anestesia e, por esse motivo não há dor durante o procedimento. Após o procedimento pode haver um pequeno desconforto causado pela aplicação do ácido hialurônico ou pelas incisões.

 

4 – Eu posso escolher o formato do meu nariz?

Eu sei o quanto todo mundo quer aquele nariz dos sonhos. É comum olhar fotos de celebridades e querer fazer um comparativo. Contudo, o formato do seu rosto é um fator determinante para a Rinoplastia e para a Rinomodelação. A escolha deve ser feita em conjunto com o médico, que poderá orientar o que ficará mais harmonioso para sua face.

 

5 – No caso da Rinomodelação, é preciso reaplicações?

Dependendo da idade e dos resultados esperados sim. Seu médico pode indicar uma reaplicação após 8 meses ou 1 ano após o primeiro procedimento, pois nesse período o ácido hialurônico já foi reabsorvido e o resultado acaba sendo perdido.

 

6 – Quais profissionais podem realizar a Rinoplastia e a Rinomodelação?

A Rinoplastia, assim como a Rinomodelação só pode ser feita por um cirurgião plástico. Somente esse profissional conhece toda a anatomia do seu nariz e reduz riscos de deformidades ou até mesmo de necrose.

 

Conclusão

Se depois que você conheceu os dois procedimentos está se perguntando qual o melhor. A minha dica é: consulte o seu médico! Os dois procedimentos são seguros e muito praticados. Como citei anteriormente, não existe uma técnica superior a outra. Cada paciente tem um perfil diferente e o seu cirurgião poderá orientar melhor.

Você conheceu bastante sobre as duas técnicas e já pode seguir com seu tratamento tranquilamente.

Cada um dos dois procedimentos tem a sua finalidade específica também. Um paciente pode ser indicado a fazer a Rinomodelação e não a Rinoplastia ou o inverso também pode acontecer.

Como eu disse antes, a Rinomodelação é um procedimento para correções mais leves enquanto a Rinoplastia mexe em quase toda a anatomia natural do seu nariz.

Você já conhecia a Rinoplastia ou a Rinomodelação? O que achou das duas técnicas? Deixe seu comentário!

[:]

pt_BRPortuguese